Home / Catolé do Rocha / Ambulatório de Pré-natal de Alto Risco disponibiliza atendimentos de fisioterapeuta e psicologia em Catolé do Rocha

Ambulatório de Pré-natal de Alto Risco disponibiliza atendimentos de fisioterapeuta e psicologia em Catolé do Rocha

O Ambulatório de Pré-natal de Alto Risco do Hospital de Catolé do Rocha iniciou os atendimentos de fisioterapia e psicologia. Agora, a futuras mamães que fazem o acompanhamento na unidade podem contar com os novos serviços. Os atendimentos ambulatoriais tiveram início em janeiro deste ano, com uma equipe multiprofissional. Os novos serviços são realizados nas segundas e quintas-feiras.

A psicóloga Amanda Maia explica que, durante as atividades, é trabalhada a questão da ansiedade, onde são ensinadas técnicas de relaxamento e dicas de como lidar com a gravidez e os bebês após o nascimento. “A gente sabe que a gravidez é um período que a mulher fica mais emotiva, mais vulnerável por conta de tantas mudanças, inclusive hormonais, e por isso é importante trabalhar também a ansiedade e as técnicas de relaxamento ajudam muito neste processo”, destacou.

A agricultora Joice da Silva, de 22 anos, da cidade de Belém do Brejo do Cruz, está na primeira gestação e já fez várias consultas no Ambulatório de Pré-natal de Alto Risco. Ela foi encaminhada por causa de uma hipertensão gestacional e diagnóstico de pré-diabetes. “Este serviço tem me ajudado muito. Este trabalho daqui é bem melhor que outros que eu fui antes. Sou muito bem atendida e tenho melhorado bastante, até as dores diminuíram”, disse ela, que também elogiou a iniciativa da unidade de incluir na assistência as orientações com a fisioterapeuta. “Eu gostei bastante dos exercícios que ela passou. São fáceis de fazer e acho que vão ajudar bastante”, completou.

A fisioterapeuta Taisa Almeida, que integra a equipe multiprofissional do hospital, reitera a importância desses momentos com as gestantes. “Além da consulta médica e de toda a triagem clínica com a enfermagem, também trabalhamos, em rodas de conversa, a orientação de exercícios de alongamento específicos no período gestacional que ajudam muito nossas pacientes a terem menos dores neste período, além de focarmos na importância do parto natural”, explicou.

As consultas para o ambulatório precisam ser agendadas via Secretaria de Saúde dos municípios. No agendamento, a gestante já fica sabendo o horário e data de atendimento e, ao chegar na unidade, antes de conversar com a médica, a paciente passa por uma triagem clínica com a enfermagem que inclui pesagem, além da aferição de sinais vitais e pressão. As que quiserem ainda terão acompanhamento com dietas específicas com uma das nutricionistas do hospital, que orientará sobre a importância de uma alimentação saudável, com foco nas necessidades da gestante.

SECOM/PB

Veja Também

Em Pombal: Policiais Civis prendem, em flagrante, suspeito de agredir a ex-companheira na manhã desta quarta-feira

Na manhã de hoje, 12 de junho, data em que se é comemorado o Dia ...

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.